Minuto Sertão

buscar

Helio Fialho

RSS

Postado em por Helio Fialho - MTE/AL 1644 em BlogsHelio Fialho

Desfile cívico de duas escolas municipais será na tarde desta terça-feira em Pão de Açúcar

Bráulio Cavalcante e Senador Rui Plameira desfilarão em homenagem ao 16 de Setembro

Logo mais às 16 horas será realizado o desfile cívico em comemoração ao aniversário de 197 anos de Emancipação Política de Alagoas, na Avenida Bráulio Cavalcante, com a participação das escolas municipais Bráulio Cavalcante e Sensor Rui Palmeira.

Segundo os organizadores do evento, alunos desfilarão conduzindo faixas e cartazes homenageativos, além de apresentações das bandas fanfarras de ambas as escolas. Mais uma vez o prefeito Jorge Dantas estará assistindo ao desfile ao lado da primeira dama do município, Soraya Omena Dantas, e de outras autoridades e lideranças municipais.

As comemorações alusivas ao 16 de Setembro tiveram início às primeiras horas da manhã desta terça-feira, na Praça da Matriz, com a solenidade de hasteamento das bandeiras nacional, estadual e municipal.

A expectativa das diretoras Ana Telma Pereira (Unidade Municipal de Ensino Bráulio Cavalcante) e Maria do Socorro Plácido (Unidade Municipal de Ensino Senador Rui Palmeira) é de que um grande público compareça para prestigiar o desfile.

 

Final da II Copa Pão de Açúcar de Futsal

Está marcada para logo mais às 19 horas e 30 minutos, no Ginásio Municipal de Esporte Dr. Átila Pinto Machado, a partida final da II Copa Pão de Açúcar de Futsal. O jogo decisivo entre as equipes de Pão de Açúcar X Sabor Baiano promete atrair um grande público.

A realização da II Copa Pão de Açúcar de Futsal é da Prefeitura de Pão de Açúcar através da Secretaria Municipal de Turismo e Esporte. O prefeito Jorge Dantas e o secretário Cacau Machado (Turismo e Esporte) estarão prestigiando o evento e entregando os prêmios aos vencedores.

 

Postado em por Helio Fialho - MTE/AL 1644. Fonte:Wikipédia em BlogsHelio Fialho

Pão de Açúcar: solenidade para comemorar os 197 anos de Emancipação Política de Alagoas será nesta terça-feira

Ato comemorativo reunirá estudantes e lideranças municipais na Praça da Matriz

Nesta terça (16), será realizada uma solenidade de hasteamento dos pavilhões nacional, estadual e municipal, na Praça da Matriz, às 07 horas e 30 minutos, em comemoração alusiva à Emancipação Política de Alagoas.

A iniciativa de comemorar os 197 anos de desmembramento de Alagoas das terras pernambucanas é da Secretaria Municipal de Assistência Social (SEMTAS) e contará com a participação de alunos das escolas municipais, estaduais e da rede particular, além de autoridades e lideranças municipais.

Segundo narra a história, no dia 16 de setembro de 1817 a Comarca de Alagoas, que dependia administrativamente e politicamente de Pernambuco, foi declarada emancipada pelo rei de Portugal, D. João VI, em consequência da Revolução Pernambucana.

O primeiro governador de Alagoas foi Sebastião Francisco de Melo e Póvoas, que tomou posse em 22 de janeiro de 1819 e teve o mandato encerrado em 31 de janeiro de 1822.

 

Síntese histórica das Alagoas

A história de Alagoas se inicia antes do descobrimento do Brasil pelos portugueses, quando o atual território do estado era povoado pelos índios caetés. A costa do atual Estado de Alagoas, reconhecida desde as primeiras expedições portuguesas, desde cedo também foi visitada por embarcações de outras nacionalidades para o escambo de pau-brasil (Caesalpinia echinata).

Quando da instituição do sistema de Capitanias Hereditárias (1534), integrava a Capitania de Pernambuco, e a sua ocupação remonta à fundação da vila do Penedo (1545), às margens do rio São Francisco, pelo donatário Duarte Coelho Pereira, que incentivou a fundação de engenhos na região.

Palco do naufrágio da Nau Nossa Senhora da Ajuda e subsequente massacre dos sobreviventes, entre os quais o Bispo D. Pero Fernandes Sardinha, pelos Caetés (1556), o episódio serviu de justificativa para a guerra de extermínio movida contra esse grupo indígenas pela Coroa portuguesa.

Ao se iniciar o século XVII, além da lavoura de cana-de-açúcar, a região de Alagoas era expressiva produtora regional de farinha de mandioca, tabaco, gado e peixe seco, consumidos na Capitania de Pernambuco.

Durante as invasões holandesas do Brasil (1630-1654), o seu litoral se tornou palco de violentos combates, enquanto que, nas serras de seu interior, se multiplicaram os quilombos, com os africanos evadidos dos engenhos de Pernambuco e da Bahia. Palmares, o mais famoso, chegou a contar com vinte mil pessoas no seu apogeu.

Constituiu-se em a Comarca de Alagoas em 1711, e foi desmembrado da Capitania de Pernambuco (Decreto de 16 de setembro de 1817), em consequência da Revolução Pernambucana daquele ano. O seu primeiro governador, Sebastião Francisco de Melo e Póvoas, assumiu a função a 22 de janeiro de 1819.

 

Postado em por Helio Fialho - MTE/AL 1644 em BlogsHelio Fialho

4ª Jegada será realizada neste domingo em Pão de Açúcar

Evento tem como objetivo valorizar o jegue no sertão

Está marcada para este domingo (14), às 07 horas da manhã, a realização da 4ª Jegada de Pão de Açúcar.  A saída será da Fazenda Bela Vista, zona rural do município, e a chegada dar-se-á no Parque Araxá, localizado nas cercanias do Alto Zeferino.

No momento em que os participantes chegarem ao Parque Araxá, o cantor brega pão-de-açucarense Mané de Quido, conhecido como “a máquina de fazer sucesso”, fará um show para os jegueiros e público presente.

O objetivo do evento, segundo Lourão do Brega, que é um dos organizadores da festa, é promover a valorização do jegue, já que este animal muito resistente vem sendo  desvalorizado no sertão nordestino, nas últimas décadas.

“Na nossa região são realizadas muitas cavalgadas e o jegue fica de fora de todas elas. Por este motivo, em 2011 criamos a Jegada e já estamos no quarto ano consecutivo”, disse Lourão do Brega”. Segundo, ainda, Lourão, em 2013 o evento atraiu aproximadamente 400 participantes. E este ano a pretensão é atrair um número maior de pessoas.

“Para participar da 4ª Jegada, a pessoa não precisa pagar absolutamente nada porque tudo será oferecido gratuitamente, isto é, boné, camisa, churrasco, bebida quente e, ainda, será realizado um sorteio de brindes”, finalizou Lourão do Brega.

A 4ª Jegada de Pão de Açúcar conta com a ajuda de alguns patrocinadores, entre esses, a Prefeitura Municipal de Pão de Açúcar.

 

Desembargador Washington Luiz é eleito presidente do TJ/AL

O TJ/AL elegeu, nesta terça-feira (9), o ilustre desembargador Washington Luiz Damasceno Freitas, para assumir o cargo de presidente do Judiciário alagoano durante o biênio 2015/2016. É a segunda vez que o magistrado piranhense das barrancas do São Francisco é conduzido ao cargo máximo do Egrégio Tribunal de Justiça do Estado de Alagoas.

Sendo um grande conhecedor dos graves problemas vividos pela sociedade alagoana, o desembargador Washington Luiz certamente implantará um novo tempo na Justiça alagoana, aproximando mais o TJ/AL da população. Parabéns, novo presidente!

 

Desfile Cívico em Lagoa de Pedra

Nesta quinta-feira (11), haverá um desfile cívico, às 14 horas, com a participação das unidades municipais de ensino do Povoado Lagoa de Pedra, município de Pão de Açúcar, por ocasião das festividades alusivas à padroeira Nossa Senhora das Dores.

Segundo informações da coordenadora Mirian Silva Lima, as duas escolas municipais que vão desfilar são  Ministro Augusto de Freitas Machado e Monsenhor Lira. Crianças e adolescentes vão participar deste desfile.

A tradicional festa da padroeira do Povoado Lagoa de Pedra tem início  nesta quinta-feira e o encerramento é domingo(14). Missa, procissão e shows musicais fazem parte da programação. Anualmente a festa atrai um grande público.

 

Ação pela Vida vai acontecer no próximo dia 20 em Meirus

O Ministério Tabernáculo, com sede no Povoado Meirus, irá promover, no próximo dia 20, uma ação preventiva e de conscientização sobre o grande consumo de bebidas alcoólicas no município de Pão de Açúcar, principalmente por pilotos e motoristas.

Segundo o Pr. Udirlei Borele, ele que é o idealizador da ação, é crescente o número de acidentes em Pão de Açúcar, provocados por pessoas embriagadas ao volante. Segundo, ainda, o Pr. Udirley Borele Satler, em dois dias seguidos do mês de agosto foram registrados nas imediações do Povoado Meirus três acidentes fatais.

As três vítimas estavam alcoolizadas, dirigindo suas motos quando perderam o reflexo e provocaram os acidentes. As mortes aconteceram nos dias 23 e 24 de agosto e deixaram chocadas as famílias e amigos dos três jovens falecidos.

A “Ação pela Vida – Diga não ao álcool e sim à vida” tem como objetivo intervir no índice alarmante de mortes provocadas por acidentes, cujas vítimas ingerem bebidas alcoólicas para dirigir.   

“Só quem vê o sofrimento das famílias pode imaginar como é triste perder um ente querido precocemente por causa do álcool”, disse o organizador da ação.

A ação educativa está marcada para acontecer das 18 às 20 horas, na praça principal do Povoado Meirus, e conta com as parcerias da Secretaria Municipal de Saúde, Polícia Militar do Estado de Alagoas, Secretaria Municipal de Assistência Social e outras instituições.

Durante a Ação pela Vida, representantes da Polícia Militar de Alagoas vão apresentar dados e indicadores sobre mortes no trânsito provocadas pelo consumo de bebidas alcoólicas e outras imprudências praticadas ao volante.

 

 

 

 

 

Postado em por Helio Fialho - MTE/AL 1644 em BlogsHelio Fialho

Prefeito Jorge Dantas abriu o 1º Seminário de Educação do Campo em Pão de Açúcar

Chefe do Executivo municipal diz que vai criar setor para lidar exclusivamente com a melhoria dos índices da educação

 Na presença de diversos profissionais que fazem parte da Secretaria Municipal de Educação, o prefeito Jorge Dantas, ao lado da secretária municipal de Educação, Ida Vanderlei Tenório, e do secretário adjunto de Educação, Marcos de Assis Mendonça, abriu oficialmente, na manhã desta quarta-feira (10), no Auditório João Lisboa, na cidade de Pão de Açúcar, o 1º Seminário de Educação do Campo.

O prefeito disse ter ficado contente com os resultados da avaliação do IDEB 2013, que destacou a educação municipal como uma das quatro melhores do sertão alagoano e uma das quinze melhores de Alagoas, porém pretende direcionar mais ações para o setor, objetivando melhorar ainda mais a nota avaliativa do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) para os próximos anos.

Antes da abertura do evento, o chefe do Executivo municipal e a secretária municipal de Educação foram entrevistados pela reportagem do Programa O Município em Foco e falaram sobre os investimentos que o governo municipal vem fazendo em parceria com o Ministério da Educação, nos últimos dois anos, com o objetivo de melhorar ainda mais a qualidade do ensino em todo o município de Pão de Açúcar. “Criaremos um setor na Secretaria Municipal de Educação, para lidar exclusivamente com a melhoria dos índices de desenvolvimento da educação básica no município”, disse o prefeito.

A abertura oficial do 1º Seminário de Educação do Campo foi abrilhantada pela banda fanfarra da Unidade Municipal de Ensino Bráulio Cavalcante. E o evento contou, ainda, com a apresentação de uma peça de dramaturgia intitulada O Cortiço, adaptada da obra do escritor brasileiro Aluisio Azevedo e apresentada por atores amadores da terra.

Além do prefeito Jorge Dantas e dos secretários municipais de Educação Ida Vanderlei Tenório (titular) e Marcos de Assis Mendonça (adjunto), diversas lideranças prestigiaram o evento, entre essas: Oscar Allan (representante do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Pão de açúcar), comendador Pedro Lúcio Rocha (ex-presidente do STR de Pão de Açúcar e ex-coordenador da FETAG/CONTAG).

O seminário teve como palestrantes o biólogo Marcos Gomes (especialista em Gestão Ambiental) e a pedagoga Quiara Daniel (especialista em Gestão Escolar), ambos do Instituto Getai.    

Presidente Eterno do Iate Clube

O saudoso industrial, ex-prefeito e primeiro presidente do Iate Clube Pão de Açúcar, Ronalço Vieira dos Anjos, foi homenageado durante o baile do reencontro de amigos pão-de-açucarenses  “Aonde está Você?”

A justa homenagem idealizada pelo atual presidente da entidade, Milton Lopes de Oliveira, foi prestada durante a realização do baile, no momento em que o prefeito Jorge Dantas, na condição de sócio patrimonial do Iate Clube e atual prefeito de Pão de Açúcar, foi convidado para fazer a entrega da placa de “Presidente Eterno” à família do homenageado. E segundo os participante do “5º Baile Aonde Está Você?”, a festa foi simplesmente sensacional. De parabéns estão os organizadores e os participantes.

 

Postado em por Helio Fialho - MTE/AL 1644 em BlogsHelio Fialho

1º Seminário de Educação do Campo será realizado em Pão de Açúcar nesta quarta-feira

Novas propostas para a educação rural serão discutidas durante o evento

O 1º Seminário de Educação do Campo será realizado, nesta quarta-feira (10), na cidade de Pão de Açúcar. O evento está previsto para iniciar às 08 horas da manhã, no Auditório João Lisboa, com os objetivos de conhecer a realidade e as propostas  atuais de educação rural para as escolas do campo e encaminhar propostas de transformação da concepção e métodos de ensino, bem como subsidiar a elaboração de projetos educacionais.

Diversos profissionais da educação, incluindo professores, diretores, coordenadores e técnicos, além dos secretários Ida Vanderlei Tenório (titular) e Marcos de Assis Mendonça (adjunto), vão participar deste evento.

O prefeito Jorge Dantas, alguns assessores municipais e representantes de órgão e entidades também vão marcar presença no 1º Seminário de Educação do Campo.

 

 

Postado em por Helio Fialho - MTE/AL 1644 em BlogsHelio Fialho

IDEB do município de Pão de Açúcar está entre os quatro melhores do sertão de Alagoas

Resultado foi divulgado no último dia 5 pelo MEC

De acordo com os números divulgados pelo Ministério da Educação (MEC), Pão de Açúcar está entre os quatro municípios do Sertão de Alagoas que atingiram a meta do IDEB para 2013. O resultado foi divulgado pelo próprio MEC, no último dia 5. A nota obtida pela educação municipal de Pão de Açúcar foi 3,0 (três), conforme estipulou o MEC para 2013.

Os outros três municípios que se destacaram são: Batalha (3,1), Carneiros (3,2) e São José da Tapera (3,5). Os demais localizados no semiárido alagoano não atingiram as metas do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), referentes ao 9º ano (antiga 8ª série), ficando abaixo das estimativas.

O resultado foi comemorado com alegria pelo prefeito Jorge Dantas, pela secretária Ida Tenório e demais profissionais da Secretaria Municipal de Educação. O motivo da comemoração são os investimentos que o governo municipal vem realizando no setor nos últimos anos, principalmente na construção, ampliação e melhoria de unidades escolares, capacitação de professores e de outros profissionais da educação, aquisição de ônibus novos para o transporte escolar, implantação recursos tecnológicos modernos, melhoria da qualidade da merenda escolar, construção de quadras poliesportivas e outras ações objetivando a melhoria da educação básica na rede municipal.

Em Pão de Açúcar, a meta projetada pelo MEC para o ensino referente ao 9º ano (antiga 8ª série) foi 3.0 e a nota obtida pelo município foi exatamente 3.0. Já para o 5º ano (antiga 4ª série) a meta projetada para 2013 foi de 3.3 e a nota obtida pelo município foi 3.6, o que superou a previsão do Ministério da Educação.

Na opinião do prefeito Jorge Dantas, a educação municipal de Pão de Açúcar está no caminho certo e nos próximos anos mais investimentos serão realizados com o objetivo de melhorar ainda mais a qualidade do ensino e, assim, obter notas superiores na avaliação do Ideb.

“Estes resultados são frutos dos investimentos feitos pelos gestores no setor e da dedicação de todos os professionais que atuam no ensino municipal. Aproveito para parabenizar todos os profissionais envolvidos neste processo de desenvolvimento da educação do nosso município, pois quem ganha com isso é toda a população”, disse Jorge Dantas.

O que é o Ideb?

Ideb é o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, criado em 2007, pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), formulado para medir a qualidade do aprendizado nacional e estabelecer metas para a melhoria do ensino.

O Ideb funciona como um indicador nacional que possibilita o monitoramento da qualidade da Educação pela população por meio de dados concretos, com o qual a sociedade pode se mobilizar em busca de melhorias. Para tanto, o Ideb é calculado a partir de dois componentes: a taxa de rendimento escolar (aprovação) e as médias de desempenho nos exames aplicados pelo Inep. Os índices de aprovação são obtidos a partir do Censo Escolar, realizado anualmente.

As médias de desempenho utilizadas são as da Prova Brasil, para escolas e municípios, e do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), para os estados e o País, realizados a cada dois anos. As metas estabelecidas pelo Ideb são diferenciadas para cada escola e rede de ensino, com o objetivo único de alcançar 6 pontos até 2022, média correspondente ao sistema educacional dos países desenvolvidos.

 

Postado em por Helio Fialho - MTE/AL 1644 em BlogsHelio Fialho

Pão de Açúcar: Petrônio Farias ganha o prêmio de Melhor Artesão do Ano 2014

Museu Theo Brandão fará a premiação nesta sexta-feira em Maceió

O artesão pão-de-açucarense, Petrônio Farias, é o grande vencedor do prêmio de Melhor Artesão do Ano 2014. O talentoso artista que ficou conhecido pela arte rústica de fabricar bancos,cadeiras, figuras exóticas, ex-votos, bonetos, miniaturas de embarcações do rio São Francisco e , tendo como matéria prima galhos, raízes e troncos de árvores mortas abalhos que são frutos de sua fértil imaginação.

O Prêmio Gustavo Leite foi criado pelo Museu Theo Brandão de Antropologia e Folclore e  já está na sua 11ª edição .

Em 2013, o prêmio em sua 10ª edição foi conquistado pelo artesão, também pão-de-açucarense, José Roberto Almeida da Silva, conhecido como “Beto de Meirus”. Na oportunidade, o prefeito Jorge Dantas prestigiou o artista na solenidade de premiação.

Este ano, a 11ª edição deste prêmio tem como vencedor mais um pão-de-açucarense. Petrônio Farias será homenageado pelo Museu Theo Brandão de Antropologia e Folclore, nesta sexta-feira (12), às 19 horas, em uma solenidade que contará com a presença de diversas autoridades e artistas alagoanos.

É importante destacar, que a exposição do artista fica em cartaz, gratuitamente, no Mseu Theo Brandão, até o dia 1° de novembro, nos horários abertos à visitação, isto é, das terças às sextas-feiras, das 9 horas às 17 horas, e aos sábados, das 14 horas  às 17 horas. Mais informações através dos telefones (82) 3214-1716, 1710 e 1715.

A reportagem do Minuto Sertão entrou em contato com o artesão vencedor para saber como o mesmo está se sentindo com a conquista deste prêmio. Por telefone, demonstrando humildade, o artesão disse que não esperava ganhar assim tão cedo este prêmio do qual não é merecedor.

“Foi uma surpresa para mim, pois não me acho merecedor deste prêmio”, disse Petrônio Farias.

Conhecendo o vencedor

Nascido na zona rural de Pão de Açúcar, José Petrônio Farias dos Anjos, é pescador, agricultor e artesão. Inspirado no famoso artesão Fernando Rodrigues, conhecido como “Fernando da Ilha do Ferro”, começou a fabricar artesanato em 2002, mas somente a partir de 2005, por incentivo do então secretário municipal de Cultura e Turismo, Helio Fialho, teve o seu nome projetado no cenário cultural de Alagoas, participando de exposições, amostras e feiras de artesanato realizadas em outros municípios alagoanos, principalmente na Capital do estado, a exemplo da Feira dos Municípios Alagoanos, onde se tornou um dos campeões de vendas.

 Peças do artista já foram vendidas para diversos estados do Brasil e para países como Itália, Espanha e Alemanha. Desde 2011 o artesão mora com a esposa e um filho menor (artesão mirim) no Sítio Estrelo, uma propriedade rural adquirida por ele e que fica localizada à margem esquerda da estrada vicinal de acesso ao Povoado Ilha do Ferro.

A primeira providência do artista quando comprou a pequena propriedade foi expor ao ar livre suas peças de artesanato, dando, assim, vida e colorido a uma terra antes seca e sem beleza.

Defensor intransigente da preservação do meio ambiente, o artesão Petrônio Farias jamais praticou a derrubada de árvore para fabricar suas peças artesanais. “Aproveito galhos secos, troncos e raízes de árvores mortas”, concluiu Petrônio Farias.

Postado em por Helio Fialho - MTE/AL 1644 em BlogsHelio Fialho

5ª edição do baile “Aonde está você?” será realizada neste sábado em Pão de Açúcar

Festa de reencontro terá como atração a Orquestra Super Oara

5ª edição do baile “Aonde está você?” será realizada neste sábado em Pão de Açúcar

Festa de reencontro terá como atração a orquestra Super Oara

 

Um baile que foi criado com o objetivo de promover o reencontro de amigos que um dia visitaram ou residiram em Pão de será realizado neste sábado (6), no Iate Clube Pão de Açúcar, com início marcado para as 23 horas.

“Aonde está você?” é o nome da festa do reencontro dessas pessoas em Pão de Açúcar. O evento terá como atração musical a famosa orquestra pernambucana Super Oara que pela primeira vez estará se apresentando na cidade de Pão de Açúcar.

Segundo o presidente do Iate Clube, Milton Lopes de Oliveira, durante o baile será prestada uma homenagem póstuma ao industrial e ex-prefeito Ronalço Vieira dos Anjos, ele que foi um dos principais fundadores e o primeiro presidente do Iate Clube Pão de Açúcar, inaugurado em

 

Assim como nas edições anteriores, o 5º Baile Aonde Está Você?  promete atrair um grande número de pessoas que geralmente aproveitam para matar a saudade dos velhos amigos. Mesas estão sendo vendidas ao preço de R$ 60,00 e podem ser adquiridas com Milton Lopes.

Antigos “assustados” ou "assaltos" serão revividos pelos amantes da Jovem Guarda

Um grupo de amigos resolveu reviver os antigos “assustados” que eram realizados na cidade de Pão de Açúcar, nos anos 60 e 70, na época da Jovem-Guarda. Também conhecido como “assalto”, o baile improvisado nas residências eram organizados de surpresa e sem que o dono da casa esperasse, na maioria das vezes.

Durante a diversão, os participantes dançavam e se divertiam ao som das músicas de artistas como Elvis Presley, Chuck Berry, Beatles e Rolling Stones, Roberto Carlos, Wanderléia, Erasmo Carlos, Sérgio Reis, Os Vips, Golden Boys, Jerry Adriani e Ronnie Von.

Em Pão de Açúcar, o assalto ou assustado, como era chamado na época, será realizado na residência do pão-de-açucarense Guga Moura, na Avenida Bráulio Cavalcante, nesta sexta-feira (5).  Diversos pão-de-açucarenses estarão revivendo os tempos de ouro da Jovem Guarda, entre esses, membros da família do saudoso comerciante José Moura Amaral, isto é,  Volney, Célia, Mozart, Toinho e outros.

Postado em por Helio Fialho - MTE/AL 1644 em BlogsHelio Fialho

Prefeitura de Pão de Açúcar já começou a construir uma das duas creches municipais

Cada unidade irá atender a 240 crianças em dois turnos

A Prefeitura de Pão de Açúcar já deu início à construção de uma das duas creches que serão entregues nos próximos meses à população pão-de-açucarense.  As obras fazem parte do Programa de Reestruturação e Aparelhagem da Rede Escolar Pública de Educação Infantil, conhecido como Proinfância, cujos recursos são oriundos do FNDE com contrapartida do município.  

A creche urbana está sendo construída nas imediações da Rua Gilberto Soares Pinto, próxima à Rádio Gazeta AM, ocupará uma área de 1.323,58 m² e terá capacidade para atender a 240 crianças em dois turnos ou a 120 crianças em período integral.

Segundo o prefeito Jorge Dantas, recursos da ordem de R$ 1.396.992,90 estão sendo investidos na creche urbana e de R$ 1.384.206,90 serão investidos na creche rural.

A creche rural estará sendo construída nos próximos dias no Povoado Lagoa de Pedra e ocupará uma área de 1.323,58 m². Também terá capacidade para atender a 240 crianças em dois turnos ou a 120 crianças em tempo integral.

É a primeira vez na história da administração pública de Pão de Açúcar que o município é contemplado com duas creches municipais, pois as unidades que há muitos anos funcionam na cidade pertencem à Paróquia local. Nas duas creches tipo B, que brevemente terão suas obras concluídas,  vão ser atendidas crianças de 0 a 5 anos de idade.

Segundo, ainda, o prefeito Jorge Dantas, para que a Prefeitura de Pão de Açúcar pudesse ser contemplada com estas duas creches pelo Proinfância, foi preciso obedecer a critérios preestabelecidos pelo Ministério da Educação, tais como:  ter sido pré-selecionada pelo Comitê Gestor do PAC; disponibilizar terreno em localização, condições de acesso e características geotécnicas e topográficas adequadas para a implantação das unidades, segundo as exigências dos projetos padronizados oferecidos pelo FNDE; assumir compromisso com a gestão, funcionamento e manutenção das unidades; ter déficit comprovado de vagas na educação infantil.

O objetivo do Proinfância é prestar assistência financeira, em caráter suplementar, ao Distrito Federal e aos municípios que efetuaram o Termo de Adesão ao Plano de Metas Compromisso Todos pela Educação e elaboraram o Plano de Ações Articuladas (PAR). Os recursos destinam-se à construção e aquisição de equipamentos e mobiliário para creches e pré-escolas públicas da educação infantil.

É importante destacar, que a obra em execução da creche urbana municipal de Pão de Açúcar atualmente está empregando diretamente 18 trabalhadores da construção civil. E a obra da creche rural também irá empregar um número igual ou superior destes profissionais.

Para a secretária municipal de Educação, Ida Vanderlei Tenório, as duas creches significam mais uma grande conquista e mais avanços para a educação pão-de-açucarense.

 

Postado em por Helio Fialho - MTE/AL 1644 em BlogsHelio Fialho

Caminhada pela Paz atrai multidão em Pão de Açúcar

Onda de violência vem assustando a população pão-de-açucarense

A cidade de Pão de Açúcar foi palco, na tarde desta sexta-feira (29), da Caminhada pela Paz, manifestação organizada pela sociedade civil, entidades religiosas e Secretaria Municipal do Trabalho e Assistência Social.

A manifestação teve início às 16 horas e 30 minutos com os participantes saindo do Alto Zeferino em direção à Praça do Relógio, local de encerramento do ato. Além de contar com a participação de populares, a manifestação contou, ainda, com a presença de  diversas escolas municipais, uma escola da rede particular (Colégio São Vicente), grupos de atividades ligadas aos diversos programas da Secretaria Municipal do Trabalho e Assistência Social (SEMTAS), representações de instituições filantrópicas e religiosas.

Funcionários da SEMTAS, ASCOM, Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria Municipal de Educação, SEVOSP e de outros órgãos públicos municipais se fizeram presentes, além da CLISADEQ que participou com a sua diretoria e alguns dependentes químicos em recuperação. A primeira dama e secretária Soraya Omena Dantas (SEMTAS) também participou ao lado de assessores municipais.

Durante o percurso uma viatura policial e dois policiais militares fizeram a segurança dos manifestantes que saíram às ruas para pedir paz, já que o município nos últimos meses  tem sido alvo dos mais diversos atos de violência, com destaque para assaltos, homicídios, agressões, acidentes de moto e um desenfreado consumos de drogas.

O ato manifestativo contou com as apresentações das bandas das escolas municipais Senador Rui Palmeira, Bráulio Cavalcante, Joaquim Fonseca e Sociedade Musical Guarani.  E uma viatura policial acompanhou a manifestação pelas ruas da cidade.  

A Caminhada pela Paz passou pelo Alto Fonseca, Campo Grande, Praça do Bonfim, Alto Humaitá, Rua de Cima, Rua São Francisco, Avenida Bráulio Cavalcante e início da Avenida Manoelito Bezerra Lima, na Praça do Relógio.

Diversos cartazes e faixas pedindo paz e protestando contra a violência e a impunidade foram conduzidos pelos manifestantes. Mensagens referentes ao tema da caminhada também foram lidas por meio de um carro de som e durante o percurso o locutor do evento enfatizava a importância da paz para a população de Pão de Açúcar.

Por onde passava, a Caminhada pela Paz chamava a atenção dos moradores que expressavam gestos de apoio e de solidariedade. Ao chegar em frente à Câmara de Vereadores houve uma pequena parada para que o idealizador do evento, João Vital Martins, pudesse entregar  um manifesto e uma solicitação oficial aos vereadores Dyego Correia, Tereza Brito e Belzinha.

O pedido oficial para a realização de uma audiência pública objetivando discutir a onda de violência que ora vem assombrando as famílias pão-de-açucarenses foi bem recebida pela Câmara de Vereadores. Na oportunidade, representando a presidente Branca Andrade, o vereador Dyego Correia discursou e manifestou o apoio do Legislativo Municipal ao pleito.

No encerramento do evento, o comunicador Rogério Lima, um dos organizadores da manifestação, agradeceu aos participantes e facultou a palavra  à secretária Soraya Omena Dantas e ao representante da igreja católica, Javan Souza.

E depois da realização do bem sucedido protesto apartidário realizado com o objetivo de promover a paz em Pão de Açúcar, a população pão-de-açucarense agora aguarda providências urgentes das autoridades competentes.

Postado em por Helio Fialho - MTE/AL 1644 em BlogsHelio Fialho

Caminhada pela Paz será nesta sexta-feira em Pão de Açúcar

Manifestantes vão solicitar à Câmara de Vereadores uma audiência pública para discutir violência crescente no município

A cidade de Pão de Açúcar será palco, nesta sexta-feira (29), às 15 horas, da Caminhada pela Paz, manifestação organizada pela sociedade civil, entidades religiosas e Secretaria Municipal do Trabalho e Assistência Social.

A manifestação tem como um dos principais objetivos chamar a atenção das autoridades competentes, órgãos públicos responsáveis e a população sobre a onda crescente de violência que atinge o município, principalmente assaltos, tráfico e consumos de drogas, homicídios e agressões físicas a mulheres, pessoas idosas e jovens, além do número crescente de acidentes de motos ocorridos no município.

Os organizadores pretendem também chamar a atenção das autoridades e da sociedade civil organizada para a realização de uma audiência pública para que seja discutida a violência em Pão de Açúcar e que seja encontrada uma solução para este problema que vem deixando a população assustada.

Apesar da onda de violência ser crescente e assustadora em todo o País, a população pão-de açucarense decidiu não ficar de braços cruzados e fazer a sua parte neste ato que poderá trazer bons resultados no tocante ao combate à violência dentro do município.

Faixas e cartazes serão conduzidos pelos participantes na manifestação desta sexta-feira, que tem como ponto de concentração a Praça Nossa Senhora Aparecida, no Alto Zeferino.

A Caminhada pela Paz sairá do Alto Zeferino e fará o seu trajeto passando pelo Campo Grande, Praça do Bonfim, Alto Humaitá (matadouro público), Avenida Bráulio Cavalcante, Praça do Relógio, Câmara de Vereadores e Praça da Matriz, sendo esta última o lugar de encerramento da manifestação.

Na Câmara de Vereadores será entregue à presidenta do Legislativo Municipal, vereadora Branca Andrade, um manifesto e uma solicitação de audiência pública, para que a violência no município seja discutida pela população com as autoridades competentes.

Na opinião de alguns manifestantes, um dos principais fatores que contribuem para que seja crescente a onda de violência em Pão de Açúcar é a falta de segurança motivada pelo número insuficiente de policiais nas ruas da cidade e nas comunidades rurais.

Outro fator que vem provocando o aumento da violência no município é o consumo desenfreado de drogas ilícitas e álcool, principalmente nas periferias e comunidades rurais.

Espera-se que a partir desta manifestação popular as autoridades competentes acordem para este grave problema e tomem as medidas cabíveis para que a violência seja banida e a paz volte a reinar dentro de Pão de Açúcar, plaga que antigamente era apelidada de “cidade branca”, em razão da ausência de violência no seio da sociedade.

Nos últimos meses foram registrados diversos casos de homicídios, assaltos a mão armada a lojas comerciais e a pessoas, agressões e espancamentos em vias públicas e acidentes de motos cujas vítimas são jovens sob o efeito de drogas ilícitas ou álcool.

Uma orientação importante que está sendo passada pelos organizadores às pessoas que pretendem participar desta manifestação, é o consumo de água durante a caminhada objetivando evitar problema de desidratação em consequência do sol causticante de pão de Açúcar.

“Recomendamos que os participantes conduzam uma garrafa com água para beber durante o percurso”, disse a assistente social da SEMTAS, Maria Betânia Rodrigues Leite (Betinha).

 

6ª Cavalgada Amigos de Jorge Dantas será neste domingo

Neste domingo (31) será realizada a 6ª edição da Cavalgada Amigos de Jorge Dantas. A concentração e saída serão no Povoado Impoeira de Baixo e a chegada será na AABB de Pão de Açúcar. Por medida de segurança, desta vez a cavalgada passará pela estrada de barro e não mais pela pista asfáltica.

Este evento foi criado há seis anos para comemorar o aniversário de Jorge Dantas, já que ele é apaixonado por corrida de mourão, pega de boi no mato e cavalgada, uma influência recebida diretamente de seu pai Francisco Araújo Dantas, conhecido como Doutor Chico, ele que durante muitos anos participou das grandes vaquejadas realizadas na região.

Diversas lideranças municipais, regionais e estaduais estarão presentes, além de um grande número de vaqueiros, cavaleiros e amazonas de Pão de Açúcar e de outros municípios.

Os convidados da festa vão poder beber, comer e assistir ao show do famoso cantor de vaquejada Ramon Baianinho. O horário da saída da 6ª Cavalgada Amigos de Jorge Dantas está marcado para as 10 horas da amanhã.

 

Postado em por Helio Fialho - MTE/AL 1644 em BlogsHelio Fialho

Foi um sucesso o I Festival da Juventude Rural de Pão de Açúcar

Prefeito Jorge Dantas participa do evento e transmite mensagem de apoio à juventude

Foi realizado com muito sucesso o I Festival da Juventude Rural de Pão de Açúcar, realizado nos dias 23 e 24 deste mês, no Auditório João Lisboa, pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Pão de Açúcar em parceria com a Coordenadoria Municipal da Juventude e o Conselho Municipal da Juventude.

O evento que teve a participação de aproximadamente 200 jovens contou com o apoio da Prefeitura Municipal de Pão de Açúcar, FETAG, CONTAG, NUDEC e outras entidades que desenvolvem políticas de apoio ao homem do campo. Discursos, palestras, apresentações culturais e outras atividades fizeram parte da programação do evento.

O prefeito Jorge Dantas e a primeira dama do município e secretária municipal do Trabalho e Assistência Social, Soraya Omena Dantas, participaram do evento e reiteraram o apoio do governo municipal aos jovens pão-de-açucarenses.

Atualmente o governo municipal tem criado políticas de apoio à juventude do município, a exemplo da Coordenadoria da Juventude, Conselho Municipal da Juventude, além da realização de cursos profissionalizantes com o objetivo de qualificar os jovens pão-de-açucarenses para o mercado de trabalho.

O I Festival da Juventude Rural de Pão de Açúcar teve como tema “Sucessão Rural: Garantia, Efetividade e Acessibilidade aos Direitos Humanos com Geração de Trabalho e Renda”.

"Eu acho que o jovem tem que tomar iniciativa, pois ele não pode ficar esperando que o poder público fique esperando por ele. O jovem tem que ser provocador, cobrador e estimulador. E a partir do momento em que os jovens apresentarem propostas ao governo municipal, estaremos sempre abertos para apoiá-las", disse Jorge Dantas.

Também participaram do I Festival da Juventude diversas lideranças municipais, entre essas, Ana Cleide dos Santos (coordenadora municipal da juventude), Marielle dos Santos Silva (secretária de jovens da FETAG) e os sindicalistas Pedro Lúcio Rocha, Anísia Maria Oliveira da Silva e Oscar Alan.  

Postado em por Helio Fialho - MTE/AL 1644 em BlogsHelio Fialho

Rio São Francisco - um paciente em estado gravíssimo na UTI

Este artigo alerta sobre a situação caótica do Velho Chico, o rio da unidade nacional ameaçado de morte

Não me surpreendeu a reportagem exibida pelo Jornal Nacional, sexta-feira (22), sobre a caótica situação do rio São Francisco, pois há mais de 20 anos venho mostrando, denunciando e alertando que o Velho Chico está morrendo. E o que mais me preocupa é a inércia dos habitantes ribeirinhos.

O problema agravou-se com a falta de chuva em muitos municípios mineiros, principalmente na região onde ficam a nascente e os afluentes do rio. Por este motivo, a famosa Barragem Três Marias vem secando e atualmente está com apenas 10% do seu volume de água.

O mesmo problema está acontecendo com as barragens de Sobradinho, Itaparica, Paulo Afonso e Xingó, sendo que em algumas destas, a vazão atual é de 1.100m³/segundo.

É importante frisar, que a vazão mínima permita por lei para as barragens localizadas no Submédio e Baixo São Francisco é de 1.300m³/segundo, porém a Agência Nacional de Água (ANA) através da Resolução nº 1.046/2014, prorrogou até o dia 31 de agosto do ano em curso, a autorização da redução da vazão defluente mínima dos reservatórios de Sobradinho e Xingó, de 1.300m³/segundo para 1.100m³/segundo, a pedido da CHESF, porque estes lagoas estão com os volumes de água muito reduzidos.

O rio São Francisco, por ser represado por estas barragens em crise, está com o leito muito assoreado. E lugares que antes eram de grande profundidade agora estão muito rasos, isto é, áreas que antes possuíam uma profundidade de 20 a 40 metros, hoje estão com 2 a 3 metros, dificultando, principalmente, a navegação.

Para os moradores ribeirinhos que estavam acostumados a ver o caudaloso rio São Francisco serpenteando com vigor em direção ao mar, é dantescamente desolador verem agora somente gigantescos bancos de areia anunciando a morte iminente do agonizante Velho Chico.

E se a falta de chuva prolongar-se por mais alguns meses na região onde ficam localizadas as cabeceiras do “rio da integração nacional”, não demorará muito para atravessar o São Francisco a pés enxutos.

Não há como negar que o desmatamento das matas ciliares, a construção de barragens e o contínuo despejo de esgotos domésticos e de efluentes líquidos industriais são as principais ações letais promovidas pelo homem contra o desrespeitado Velho Chico.

E apesar de toda essa destruição, ainda criam projetos insanos e eleitoreiros que só aumentam a sangria do rio São Francisco, que neste momento pode ser comparado a um paciente que estando agonizando na UTI de um hospital ainda é obrigado a doar sangue.

E todo este martírio está acontecendo na cara dos moradores ribeirinhos que sequer lutam para evitar tamanha catástrofe contra este patrimônio natural de valor inestimável.

Urgem ações mais eficazes em defesa do nosso Velho Chico. E diante desta triste realidade não mais existe lugar para os discursos demagógicos e promessas categóricas de autoridades que insistem em brincar de faz e conta.

O São Francisco está precisando de devotos fiéis e amantes verdadeiros que tenham o mesmo espírito de luta organizada, a coragem e o comprometimento do beato e líder do Arraial de Canudos, Antônio Conselheiro que, no período de novembro de 1896 a outubro de 1897, encabeçou, no interior do sertão da Bahia, um movimento contra o poder dominante político que só impunha injustiças sociais.

Sabemos que a Guerra de Canudos significou a luta e resistência das populações marginalizadas do sertão nordestino no final do século XIX. Embora derrotados, mostraram que não aceitavam a situação de injustiça social que reinava na região.

É desta mesma forma, a meu ver, que precisa marchar o povo ribeirinho do São Francisco rumo à Capital do Brasil, pois lá estão instaladas as esferas superiores dos Três Poderes.

A partir dessa corajosa mobilização, quando o povo ribeirinho tornar-se uma unidade destemida de luta, certamente a surdez do Executivo, Legislativo e Judiciário deixará de existir para com o pedido de socorro do Velho Chico.

Não faço aqui apologia à anarquia, à violência e à depredação do patrimônio público, porém faço apologia à organização e luta do povo ribeirinho contra projetos que promovam a morte precoce do rio São Francisco.

Sou a favor de uma grande mobilização das populações dos municípios que margeiam o rio São Francisco nos estados de Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Sergipe e Alagoas, com o objetivo de pressionar o Palácio do Planalto, o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal a criarem mecanismos legais que venham salvar a vida do Velho Chico.

E como propostas reais e urgentes estão o cancelamento do nefasto Projeto de Transposição e a retomada do tão almejado Projeto de Revitalização, sendo que este segundo precisa ser executado após passar por uma reestruturação séria e dinâmica em todas as suas áreas.

Outro passo importantíssimo do povo ribeirinho é não votar nestas eleições em candidatos que defendam a Transposição do rio São Francisco – é bom ficar de olhos e ouvidos bem abertos durante o horário político no rádio e na televisão – porque alguns candidatos, verdadeiros inimigos do Velho Chico, estão defendendo a insana Transposição como se fosse um trunfo político.

Portanto, o nosso Velho Chico não pode mais esperar que aconteçam reuniões, negociações, manifestações e discursos demorados para chamarem a atenção dos holofotes. O rio São Francisco precisa urgentemente de ações práticas e não teóricas. Chega de demagogia!

Postado em por Helio Fialho - MTE/AL 1644 em BlogsHelio Fialho

Dia do Folclore será comemorado nesta sexta-feira em Pão de Açúcar

Apresentações culturais serão realizadas na Praça da Matriz

A Prefeitura de Pão de Açúcar por meio das secretarias municipais de Cultura e do Trabalho e Assistência Social vai comemorar o Dia Nacional do Folclore, nesta sexta-feira ( 22), às 19 horas, na Praça da Matriz, com apresentações culturais gratuitas.

Por ser um município muito rico em atividades folclóricas, os organizadores do evento convidaram para participar alguns grupos e pessoas que fazem parte das tradições e manifestações populares da plaga de Jaciobá.

A organização da festa popular está sob a responsabilidade dos secretários municipais Jurandir Amadeu (Cultura) e Soraya Omenda Dantas (trabalho e Assistência Social), e do antropólogo e técnico de projetos socioculturais da SEMTAS, Igor Luiz Rodrigues.

O folclore de Pão de Açúcar

Um grande número de pessoas e grupos fazem parte do famoso folclore pão-de-açucarense, a exemplo do coco de roda, pastoril, chegança, reisado, lavadeiras do rio São Francisco, bandas de pífano, sanfoneiros, candomblé, cavalgada, vaquejada, pega de boi no mato, batalhão de lagoa, blocos carnavalescos, artesãos, vaqueiros, aboiadores, rezadeiras, cordelistas, repentistas,  emboladores, músicos, contadores de histórias, pescadores, meisinhas,  lendas, Os Cangaceiros, O Boi Fubá, A Boneca Gabi , O Jaraguá e tantos outros .

E fazem parte do rol das figuras folclóricas pão-de-açucarenses que sempre serão lembradas no Espelho da Lua: Augusto Viriato, Tonho Capoeira, Agenor Transferência, Adail Simas, Zé do Bracinho, Pedro da Paz, Augustinho da Caiçara, João Firmino, Levino Bola, Jorge Kanecão,  Maria Fulô, Sete Pencas, Chico Cordolina, Espedito de Libânia, Rosa de Lia, Padeiro, Zé Canivete, Antonio Fonseca, Olívio Baia, Luiz Cachapá, João de Oclécio, Julinho Barbeiro, Leonídio Barbeiro, Lourdes Alegria, Joãozinho de Bengo, Odilon de Terto, Gerson Serafim,

 Lula do Queixão, Zé Cardinheira, Augustinho Guta, Igreja, Dona  Julita, Zelia Capinha, Zé Capinha, Seu Fernando da Ilha do Ferro, Mané Retratista,  Luiz de Bão, Banha de Ema, Vicente Sanfoneiro, Zé Aleixo,  Seu Alfredo de Meirus,  Alexandre Grosso, Zé Negão, Cãozinho do Meio-Dia, Otávio Preto, Mané Porém, Tonho Baixinho, Bebé Gaita, Tonha Rosa de Santiago,  Zé Paqueta,  Zé Veneno, Flor da Margem, Maria Bezerra do Limoeiro, Mestra Dadá de Meirus, Beto de Meirus, D. Terezinha de Bamba, Mestre Laércio de Bamba e tantas outras personalidades.

 

 

 

Postado em por Helio Fialho - MTE/AL 1644 em BlogsHelio Fialho

Vereadores elegem a nova mesa diretora da Câmara Municipal de Pão de Açúcar

Dyego Correia é eleito o novo presidente da Câmara de Vereadores para o biênio 2015/2016

Foi eleita, em sessão extraordinária realizada na manhã desta quarta-feira (20), a nova mesa diretora da Câmara Municipal de Pão de Açúcar, para o biênio 2015/2016, numa eleição onde a chapa única encabeçada pelo vereador Dyego Correia saiu vitoriosa pelo placar de 7x4.

Nesta sessão extraordinária  realizada com o objetivo de eleger  a nova mesa diretora do Poder Legislativo Municipal, os novos eleitos contaram com o apoio da maioria absoluta dos vereadores.

A partir de 1º de janeiro de 2015, aa nova mesa diretora ficará assim composta: presidente: vereador Dyego Correia, vice-presidente: vereadora Tereza Brito, 1ª secretária: vereadora Ana Dayse e 2ª secretária: vereadora Branca Andrade.

O vereador Dyego Correia assumirá o lugar da atual presidente Branca Andrade, que deixará a presidência em janeiro de 2015, por terminar a sua gestão.

A reportagem do Minuto Sertão/Cada Minuto entrou em contato por telefone com o vereador Dyego Correia e o mesmo demonstrou o seu contentamento com a vitória obtida. “Conseguimos o apoio da maioria absoluta dos vereadores e a partir de janeiro tomaremos posse à frente do Legislativo pão-de-açucarense”, disse Dyego Correia.

O prefeito Jorge Dantas, ao saber do resultado da eleição, parabenizou os eleitos e disse estar confiante em continuar mantendo a harmonia entre os dois poderes municipais. “Com a posse da nova mesa diretora, em 2015, continuaremos mantendo a grande harmonia existente entre os poderes Executivo e  Legislativo de Pão de Açúcar”, disse o prefeito.