Minuto Sertão

buscar

Helio Fialho

RSS

Postado em por Helio Fialho em BlogsHelio Fialho

Prefeito Jorge Dantas vai inaugurar hoje obras de ampliação e reforma das escolas dos sítios Pé da Serra e João Leite

Mais dois ônibus novos para o transporte escolar também serão entregues neste sábado

Estão marcadas para hoje as inaugurações das obras de ampliação e reforma das unidades municipais de ensino Pé da Serra e Sítio João Leite, na zona rural de Pão de Açúcar.

As obras foram realizadas objetivando triplicar a sua capacidade para receber alunos. No Sítio João Leite, por exemplo, a escola ganhou mais três salas de aula, dois banheiros, uma sala de informática, outra sala de diretoria, além de outros espaços. Os recursos investidos são oriundos do FNDE com contrapartida da Prefeitura Municipal de Pão de Açúcar.

Durante a solenidade inaugural no Sítio Pé da Serra, prevista para as 10 horas da manhã deste sábado, o chefe do Executivo municipal também fará a entrega de mais dois ônibus novos para serem utilizados no transporte escolar dos alunos da rede municipal de ensino.

A solenidade inaugural no Sítio João Leite está marcada para às 12 horas de hoje, ocasião em que o prefeito Jorge Dantas também anunciará a execução de outras obras que estão sendo realizadas na chamada Região de Cima.

As duas emissoras de rádio da cidade e um carro de som estão veiculando o convite para a população participar das inaugurações.

Convites também foram entregues pela assessoria do Gabinete do Prefeito aos vereadores, secretarias municipais, representantes de órgãos e entidades e outras lideranças do município.

 

 

Postado em por Helio Fialho em BlogsHelio Fialho

Enxurrada provoca aparecimento de grande quantidade de peixe no rio São Francisco

Pescadores de Pão de Açúcar lucram com as vendas de pescado para a Semana Santa

A enxurrada provocada pela forte chuva que caiu durante a madrugada na última quarta-feira (9), no município de Pão de Açúcar e região provocou mudança na cor das águas do rio São Francisco e fez aparecer uma grande quantidade de peixes, isto é, os afluentes (riachos) despejaram suas águas no rio e fizeram com que o rio ficasse com uma coloração escura ou amarelada, facilitando a vida de dezenas de pescadores.

Em plena véspera da Semana Santa os pescadores estão vibrando com a grande quantidade de peixes que estão pescando e assim garantindo as vendas do pescado para a Semana Santa.

A todo instante embarcações miúdas aportam cheias de peixe, atraindo os compradores para os portos. Há muitos anos não se via a beira do rio repleta de pessoas querendo comprar peixe. A disputa entre os compradores é para comprar o maior ou o melhor peixe trazido pelos pescadores.

E nessa disputa, pela quantidade de peixe que está sendo pescado, o preço do quilo do produto poderia ter despencado não fosse o período da Páscoa, onde a maioria das pessoas mantem a tradição de só comer peixe.

Mesmo assim, enquanto no mercado (Banca do Peixe) o preço cobrado por um quilo de crumatã (xira ou bambá) chega a ser entre R$ 20,00 e R$ 25,00 reais, na beira do rio está sendo vendido a R$ 10,00 reais. Já o peixe menor, a exemplo do piau, está sendo vendido pelos pescadores ao preço entre R$ 5,00 e R$ 7,00 reais, enquanto na “Banca do Peixe” (mercado) os cambistas cobram entre R$ 10,00 e R$ 15,00.

Para os pescadores, a forte trovoada que caiu sobre Pão de Açúcar veio em boa hora, pois há muito tempo não enxurrava às vésperas de uma semana em que o peixe é o alimento mais consumido. “Agora vamos ganhar um dinheiro a mais e a população vai ter acesso fácil ao peixe porque Deus mandou chuva para ajudar a todos”, disse o pescador Gilberto Lima.

O rio com “água suja”

A mudança da cor da água do rio São Francisco sempre acontecia no período de cheias naturais, ocasião em que os frutos do rio se reproduziam e eram pescados em abundância. Com a construção de barragens ao longo do rio, as cheias desapareceram porque as águas passaram a ser controladas pelo homem.

E hoje este fenômeno só acontece quando no período de trovoadas, principalmente quando chove muito nas localidades por onde passam os chamados riachos ou afluentes do rio São Francisco.

Quando os riachos desembocam com todo vigor e velocidade sobre o rio, a águas cristalinas mudam de coloração e ganham uma cor amarela escura ou marrom, que é chamada pelos pescadores de “água suja”. E quando as águas ficam “sujas” os cardumes sentem a mudança brusca e ficam desequilibrados, sendo capturados com muita facilidade pelos pescadores.

Já o rio quando está com suas águas cristalinas, os peixes ficam difíceis de ser capturados porque eles ficam escondidos nas chamadas locas de pedras ou na vegetação existente dentro da água, provocando a escassez do produto, pois não é encontrado com muita facilidade e, por isso, não é pescado em grande quantidade.

Mas em plena véspera da Semana Santa, pescadores e consumidores de Pão de Açúcar e de cidades circunvizinhas foram presenteados pelo Criador, que mandou a trovoada e chuva torrencial, provocando enxurrada para “sujar as águas” do Velho Chico, um rio que certamente vai alimentar com peixe, durante a Páscoa, as populações de Pão de Açúcar, Palestina, São José da Tapera, Olho D´Água das Flores, Santana do Ipanema, Monteirópolis, Jacaré dos Homens, Batalha, Belo Monte, pois a beira do rio e o mercado do pescado (Banca do Peixe)  estão sendo invadidas por compradores destas e de outras localidades, graças a este fenômeno natural que ocorreu na madrugada de quarta-feira (9) no município de Pão de Açúcar. 

 

 

Postado em por Helio Fialho/Associação dos Municípios Alagoanos(A em BlogsHelio Fialho

Prefeitura de Pão de Açúcar vai fechar nesta sexta-feira em apoio a mobilização da CNM

Ação não vai prejudicar o atendimento básico da saúde e da educação

A sede da Prefeitura Municipal de Pão de Açúcar vai fechar as portas, nesta sexta-feira (11), em adesão à campanha “Viva seu Município”, organizada pela Confederação Nacional dos Municípios.

 Assim como as prefeituras dos 5.570 municípios brasileiros, a Prefeitura de Pão de Açúcar vive um momento de grande crise financeira. O secretário municipal Afrânio Jorge Vieira (Administração) concederá uma entrevista, nesta sexta-feira (11), à Rádio Jaciobá FM, pela manhã, onde fará uma explanação sobre as dificuldades financeiras enfrentadas pela Prefeitura Municipal de Pão de Açúcar.

Leia abaixo esta matéria publicada na página oficial da Associação dos Municípios Alagoanos (AMA), que mostra toda a realidade vivida pelas prefeituras do Brasil, principalmente as de municípios considerados pobres.

AMA apoia mobilização para fechar as sedes das prefeituras

A mobilização faz parte da campanha “Viva Seu Município”, organizada pela CNM

A Associação dos Municípios Alagoanos (AMA) apoia a campanha “Viva seu Município”, organizada pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM) que, entre outras ações, orienta fechar as sedes das prefeituras nesta sexta-feira, dia 11. A ação não vai prejudicar o atendimento básico da saúde e da educação, a medida é para fechar a parte administrativa das prefeituras, como forma de mostrar à população e às autoridades a situação enfrentada no poder executivo municipal.

Nesta semana um grupo de prefeitos está participando de uma missão do Sebrae ao Rio de Janeiro e, por essa razão, o presidente da AMA, Jorge Dantas, informou que não será realizado um ato único em Maceió. “Recomendo as prefeitas e prefeitos que utilizem todo o material de divulgação elaborado pela CNM e sejam agentes multiplicadores dessa campanha tão importante.”, afirmou Dantas.

Os municípios estão falindo

Estudos da CNM mostram o porquê da falência dos municípios. Entre 1995 e 2012, os municípios deixaram de receber R$274.050.963.796,00 no Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Fazendo um comparativo rápido, com esse dinheiro poderiam ser construídas 3.915.013 casas populares no valor médio de R$ 70.000 cada.

No âmbito da saúde, nos últimos 10 anos, os municípios brasileiros gastaram R$110 bilhões além do seu orçamento previsto na Emenda 29. Em outras palavras, ultrapassaram as suas obrigações constitucionais. A questão também está relacionada ao subfinanciamento dos programas federais, como exemplo o Programa de Saúde da Família (PSF), em que cada equipe médica custa cerca de R$ 32.000 mensais e a União repassa apenas R$ 10.000. Essa diferença, somada aos mais de 300 programas federais, é o que o municípios paga.

Postado em por Helio Fialho em BlogsHelio Fialho

Reunião com Capitão dos Portos de Penedo discute gerenciamento da orla fluvial de Pão de Açúcar

Iniciativa faz parte de um projeto da Secretaria Municipal de Meio Ambiente

Uma reunião com o Capitão Leonardo Edilberto Torres de Oliveira, da Agência Fluvial de Penedo, conhecida como Capitania dos Portos, aconteceu segunda-feira (07), para discutir sobre o Gerenciamento da Orla Fluvial de Pão de Açúcar, em conformidade com a Lei Federal 7.661/88 e Decreto Federal  5.300/2004.

A reunião foi solicitada pelo secretário municipal de Meio Ambiente, Cicero Alves da Silva, que vem realizando uma série de ações com a finalidade de realizar o disciplinamento da área fluvial da cidade, principalmente no tocante ao rio São Francisco, onde tem ocorrido alguns problemas de desrespeito às normas estabelecidas pela SEMARH e à legislação ambiental.

Segundo o Capitão Leonardo Torres de Oliveira, reunião como esta que aconteceu em Pão de Açúcar, também já foi realizada nas cidades de Penedo e Piaçabuçu com o objetivo de  discutir o Plano de Gerenciamento de Orla, que traz no seu bojo locais definidos por meio de mapas, instituição de áreas para a realização das diversas utilidades de uso do rio, tais como: espaço para banhistas, atracação de balsas e lanchas comerciais, espaço para as práticas de recreação e lazer, entre outras atividades intrínsecas à região.

Durante esta primeira reunião o Capitão dos Portos de Penedo fez leitura de cópias de ofícios e outros documentos já enviados ao chefe do executivo municipal, onde foram tratados assuntos relacionados a recomendações sobre a Festa de Bom Jesus dos Navegantes e informações sobre a proliferação de embarcações miúdas irregulares nos municípios ribeirinhos do Baixo São Francisco, a exemplo de Pão de Açúcar, Penedo, Piranhas, Piaçabuçu, Porto Real do Colégio, São Braz, Traipu, Belo Monte e outros.

Além do Capitão dos Portos e do secretário municipal de Meio Ambiente, participaram da reunião o presidente da Associação dos Lancheiros de Pão de Açúcar, Valdik Gonçalves da Silva, representantes da ASCOM, Helio Fialho e Fagno Pinto,  os assessores da SEMARH Glória Miranda, Luciana Barreto, Francisco Rosa, Arnóbio da Silva e Ruan Pauferro e os marinheiros Alexandre, Jadilson, Alexandre e Lucas.

Para quem não sabe, a Lei Federal  nº 7.661, de  16 de maio de 1988, institui o Plano Nacional de Gerenciamento Costeiro e dá outras providências. Já o Decreto Federal nº 5.300/2004 regulamenta a Lei nº 7.661/2008.

Segundo o secretário Cícero Alves da Silva, o Mangueirinha, mais uma reunião está marcada para o próximo dia 12, também na sede da SEMARH, onde terão prosseguimento as discussões sobre o Plano de Gerenciamento da Orla de Pão de Açúcar.

Postado em por Helio Fialho/AMA em BlogsHelio Fialho

Jorge Dantas representa a Confederação dos Municípios em Encontro Internacional Organizado pela ONU

Evento teve encerramento domingo na Colômbia

O prefeito de Pão de Açúcar e presidente da AMA, Jorge Dantas, participou da 7ª edição do Fórum Urbano Mundial, evento promovido pelo Programa das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos, conhecido como ONU-Habitat, sendo esta a principal conferência global sobre questões urbanas.

Jorge Dantas, na qualidade de presidente da Associação dos Municípios Alagoanos(AMA), foi convidado para representar a Confederação Nacional dos Municípios(CNM) neste Fórum que contou este ano com quase 25 mil inscritos de 164 países.

O tema do evento foi “Patrimônio Urbano em Desenvolvimento – Cidades para a Vida” e discutiu a situação atual das cidades e os esforços na disseminação do desenvolvimento urbano sustentável e equitativo, para cumprir os objetivos de desenvolvimento do milênio (ODM) acordados pelos países-membros da ONU.

Este encontro acontece bienalmente como uma preparação para o “Third United Nations Conference on Housing and Sustainable Urban Development (Habitat II), evento que acontece de vinte em vinte anos e é promovido pelas Nações Unidas.

A cidade colombiana de Medellín foi escolhida, segundo o prefeito Jorge Dantas, por ser atualmente uma referência internacional em transformações urbanas por meio de práticas de urbanismo social, conseguindo atender as suas comunidades mais vulneráveis, com soluções para mobilidade acessível, um governo mais inclusivo e educação de qualidade, além de revitalizar espaços públicos e as áreas verdes existentes na cidade.

Segundo Jorge Dantas, o encontro reuniu representantes de governos, organizações da sociedade civil, universidades, setor privado, imprensa, agências das Nações Unidades e outras organizações internacionais. “Participar  de uma mesa redonda para tratar de assuntos tão importantes mostra que a CNM é a legítima representante o municipalismo brasileiro. O fórum é também uma grande troca de experiências com especialistas internacional sobre os desafios enfrentados pelas cidades”, concluiu o presidente da AMA.

Postado em por Helio Fialho em BlogsHelio Fialho

Lane Cabudo vence a eleição de Palestina com apenas 74 votos de diferença

Candidata derrota forte adversário apoiado por um grupo de políticos poderosos em Alagoas

Finalmente a população do município de Palestina elegeu definitivamente o seu novo prefeito, aliás, sua nova prefeita. A petista Lane Cabudo venceu a eleição com uma diferença de apenas 74 votos. O candidato derrotado nas urnas foi o peemedebista Dino César, que exerce o mandato de vereador.

Depois de esperar mais de um ano pela decisão definitiva da Justiça Eleitoral, a eleição suplementar aconteceu, neste domingo (6), em onze seções que funcionaram nas escolas Pedro Félix e Manoel Pereira, onde Lana Cabudo obteve 1.598 votos e Dino César 1.524 votos válidos.   Segundo informações do Cartório Eleitoral, dos 3.674 eleitores aptos a votar, 447 não compareceram e 95 votos foram considerados brancos e nulos.

A vitória de Lane Cabudo (PT) foi divulgada oficialmente no início da noite deste domingo pela assessoria do TER/AL e uma multidão de eleitores de Lane Cabudo comemorou o resultado pelas ruas da cidade, fazendo a festa do partido vermelho.

A empolgação dos eleitores que saíram às ruas para comemorar a vitória de Lane Cabudo foi tanta, que era possível ouvir gritos de desabafo, que diziam: “O tostão derrotou o milhão”, referindo-se ao apoio que o candidato derrotado recebeu de um grupo de políticos de grande prestígio no estado de Alagoas, além do apoio dado pelo ex-prefeito Junior Alcântara.

Para alguns especialistas em política, o grande derrotado na eleição de Palestina foi o ex-prefeito Júnior Alcântara porque o candidato Dino César (PMDB) recebeu o apoio total dele e do grupo político por ele comandado.

Segundo os especialistas em política, a candidata Lane Cabudo mostrou força porque contou com o apoio da maioria do povo de Palestina, principalmente os que lutam por mudanças radicais nos indicadores sociais do município.

Para uma minoria de comentaristas políticos, o grande vencedor da eleição foi o ex-prefeito Toninho Cabudo que, mesmo estando preso, mostrou prestígio e popularidade, elegendo a esposa como prefeita, derrotando uma casta de políticos poderosos.

Mas para a própria candidata vencedora Lane Cabudo, o resultado da eleição significa que prevaleceu a vontade do povo nas urnas e que o município de Palestina passará a ser administrado por uma nova mentalidade e em sintonia com as novas leis que regem a Gestão Pública no Brasil, pois o povo palestinense está ansioso por grandes mudanças na política local.

Agora, Lane Cabudo, é esperar o dia da posse para arregaçar as mangas e começar a trabalhar porque o povo tem pressa em ver Palestina rumo ao desenvolvimento tanto sonhado pelos  pioneiros fundadores e por todos aqueles que amam a “Terra Prometida”.

A vitória de Lane Cabudo, para muitos nativos palestinenses, pode ser considerada a vitória de pessoas que aprenderam a admirar políticos do quilate de Zuza Ourive, Arabela Paiva, Jerônimo, Manoel Cabudo, Zé Nogueira, Lalo e outros filhos e amantes da “Terra Prometida”.

É importante destacar que a atuação do Ministério Público através da Promotora de Justiça Martha Bueno foi de fundamental importância para a normalidade e sucesso do pleito, pois a “Dama de Ferro”, mais uma vez, impediu a compra de voto dentro do município, fazendo com que os mercadores de voto se deslocassem para outros municípios, para realizar suas camufladas negociatas.

A briosa Polícia Militar do Estado de Alagoas e a Justiça Eleitoral trabalharam diuturnamente para que a ordem e a decência fossem mantidas durante o período eleitoral em Palestina. Portanto, o povo está de parabéns e quem venceu a democracia!

 

 

 

 

Postado em por Helio Fialho em BlogsHelio Fialho

Eleitores de Palestina elegem hoje o seu novo prefeito

Com medo da rigorosa fiscalização do MP, compradores de voto estão agindo fora do município

Na eleição suplementar que será realizada, neste domingo (06), no município de Palestina, 3.689 eleitores vão poder votar, para eleger os novos prefeito e vice-prefeito. A votação terá início às 08 horas da manhã e estarão funcionando  onze seções eleitorais distribuídas em apenas dois locais de votação.

O pleito eleitoral será comandado pela juíza Clarissa Oliveira Mascarenhas, da 11ª Zona Eleitoral que abrange os municípios de Pão de Açúcar e Palestina. A Promotora de Justiça Martha Bueno, conhecida como  a “Dama de Ferro" está atuando na fiscalização da eleição.

O motivo da realização desta eleição suplementar em Palestina deve-se ao fato de ter sido negado o registro de candidatura de José Alberto Barbosa dos Santos (Beto), eleito prefeito do município, no ano 2012, com mais de 50% dos votos válidos.

 Mas em razão da prisão em flagrante do candidato a vice-prefeito Gedilson Costa da Silva, conhecido como “Gel”, o que veio provocar a sua saída da chapa, o candidato a prefeito  José Alberto Barbosa impetrou recurso com o pedido de registro de candidatura  de Kathiane Janine Medeiros, para vice-prefeita, mas o juiz negou o pedido e decidiu por nova eleição.

Uma nova eleição foi marcada para o dia 1º de dezembro de 2013, porém Khatiane Medeiros recorreu ao TSE, que decidiu suspender o pleito até que o pedido fosse julgado. E por motivo de o TSE ter decidido definitivamente pela realização de uma nova eleição, o pleito suplementar será realizado hoje sob um clima de disputa acirrada onde estão disputando dois candidatos majoritários.

De um lado está o candidato Dino César, que é apoiado pelo ex-prefeito Júnior Alcântara, e do outro lado está a candidata Lane Cabudo, que é apoiada pelo esposo e ex-prefeito Toninho Cabudo.

Mas apesar da forte presença de policiais militares, de representantes da Justiça Eleitoral e do Ministério Público no município, com o objetivo de inibir a prática de crimes eleitorais, principalmente a abusiva compra de votos, percebe-se que os famigerados compradores de voto mudaram de estratégia e agora estão comprando votos de eleitores palestinenses fora do município, isto é, num esquema imoral, reúnem-se em cidades como Olho D´Água das Flores, Santana do Ipanema e outras localidades vizinhas.

Nestas localidades, os famigerados compradores de voto enchem os bolsos de seus cabos eleitorais e até mesmo de eleitores que se deslocam para estas cidades para venderem o voto.

Os compradores de voto também estão atuando dentro de alguns veículos que transportam eleitores residentes fora de Palestina, mas que estão vindo votar nesta inflacionada eleição suplementar, onde o preço do  voto chega a custar até R$ 600 reais, segundo informações confidenciadas por pessoas que fazem parte desses grupos.

Espera-se que os trabalhos e esforços das autoridades que estão atuando nesta eleição suplementar, procurando, assim, manter a ordem e a decência, não sejam em vão, pois não adianta ter policiais nas ruas, o Ministério Público fiscalizando diuturnamente com rigor, a Justiça Eleitoral trabalhando com imparcialidade e com dinamismo, se os eleitores não tiverem a sã consciência de que não devem vender o voto, principalmente porque o município de Palestina possui indicadores sociais vergonhosos e precisa sair do atraso imposto pelos tais compradores de voto.

Postado em por Helio Fialho em BlogsHelio Fialho

Prefeito Jorge Dantas vai inaugurar obras de ampliação e reforma das escolas dos sítios João Leite e Pé da Serra

Durante solenidade também serão entregues mais dois ônibus novos para o transporte escolar

Estão marcadas para o próximo dia 12(sábado), as inaugurações das obras de ampliação e reforma das unidades municipais de ensino Sítio João Leite e Pé da Serra, na zona rural de Pão de Açúcar.

As obras foram realizadas objetivando triplicar a sua capacidade para receber alunos. No Sítio João Leite, por exemplo, a escola ganhou mais três salas de aula, dois banheiros, uma sala de informática, outra sala de diretoria, além de outros espaços. Os recursos investidos são oriundos do FNDE com contrapartida da Prefeitura Municipal de Pão de Açúcar.

Durante a solenidade inaugural no Sítio Pé da Serra, prevista para as 10 horas da manhã, o chefe do Executivo municipal também fará a entrega de mais dois ônibus novos para serem utilizados no transporte escolar dos alunos da rede municipal de ensino.

A solenidade inaugural no Sítio João Leite está marcada para o meio dia de sábado, ocasião em que o prefeito Jorge Dantas também anunciará a execução de outras obras que estão sendo realizadas no município.

Um canteiro de obras

A exemplo de suas duas gestões anteriores (1997 a 2004), o prefeito Jorge Dantas vem transformando o município de Pão de Açúcar em um canteiro de obras importantes, sendo que algumas destas já foram entregues à população e outras ainda serão entregues nos próximos meses. A diferença da gestão de hoje para as duas gestões anteriores do prefeito Jorge Dantas, é que a maioria das obras atuais está sendo construída com recursos do próprio município.

No Povoado Quibanzê estão sendo construídos 1.000 metros de calçamento a paralelepípedo, beneficiando, assim, diversas ruas e famílias. No Sítio Xexéu a obra de ampliação e reforma da Unidade Municipal de Ensino Júlio Damasceno Ribeiro será concluída nos próximos 60 dias.

No sítios União, Garrincha e João Leite serão construídas, nos próximos dias, três quadras poliesportivas cobertas, frutos da parceria entre do MEC (FNDE) e prefeitura municipal. As obras já foram licitadas e terão início nos próximos dias.

Na ribeirinha e histórica Vila Limoeiro, três obras importantes estão previstas para inaugurar até o final deste semestre: um posto comunitário dos Correios, um posto provisório de saúde e a ampliação do cemitério local. Já foram reformados este ano na Vila Limoeiro quatro quebra-molas e mais quatro novos estão sendo construídos a pedido dos moradores locais, com a finalidade  de para diminuir os riscos de acidentes envolvendo motos e outros veículos.

O município de Pão de Açúcar também foi contemplado pelos programas “UBS” e “Requalifica UBS” com recursos que serão destinados para as obras de ampliação do Centro de Saúde Dr. Heitor Moreira Albuquerque – PSF II (ampliação – R$ 91.800,00), Posto de Saúde do Povoado Lagoa de Pedra – PSF IV (ampliação – R$ 156.000,00), Unidade de Saúde da Família do Povoado Impoeira de Baixo – PSF VII (ampliação – R$ 138.165,00), Equipe de Saúde da Família do Povoado Meirus (ampliação – R$ 60.600,00), Posto de Saúde do Povoado Santiago (ampliação – R$ 74.165,00), Unidade de Saúde do Povoado Jacarezinho (ampliação – R$ 74.400,00), Unidade de Saúde da Família PSF I (reforma – R$ 204.721,44).

Segundo o prefeito Jorge Dantas, as obras que serão realizadas nestas unidades de saúde já foram licitadas e terão início nos próximos dias. “Melhorar a qualidade de vida da população de Pão de Açúcar é prioridade no meu governo, apesar das dificuldades que as prefeituras vêm enfrentando”, disse Jorge Dantas. 

Postado em por Helio Fialho em BlogsHelio Fialho

Pequenos criadores de Pão de Açúcar vão receber ração gratuita

Serão contemplados bovinocultures que possuem até 20 animais

A Prefeitura de Pão de Açúcar através da Secretaria Municipal de Agricultura estará distribuindo aos bovinocultores das comunidades Pajeu, Paquiderme, Poço Grande, Poço do Sal, Chifre do Bode, Poço da Volta, Machado e Quibanzê, na próxima quinta-feira (3), sacas de farelo de milho e soja, para alimentação do gado.

Segundo o secretário João Batista dos Santos (Agricultura), serão contemplados com a  ração animal os produtores que possuem até 20 cabeças de gado, isto é, os pequenos bovinocultores.

A distribuição será feita no Povoado Machado a partir de 08 horas da manhã da próxima quinta-feira. Um comunicado sobre a distribuição está sendo veiculada nas emissoras de rádio de Pão de Açúcar.  Os documentos que cada bovinocultor deve apresentar no ato de recebimento do farelo são: cópia do CPF, cópia do RG, declaração de vacinação, cópia do ITR. O prefeito Jorge Dantas e o secretário João Batista estarão presentes nesta ação.

Esta ação do Governo Municipal (SEMAGRI) em parceria com o Governo do Estado de Alagoas(SEAGRI) é muito oportuna porque o município de Pão de Açúcar está sendo assolado por uma estiagem prolongada, cujo fenômeno vem impondo  sofrimento aos moradores rurais e morte ao rebanho.

 

Postado em por Helio Fialho em BlogsHelio Fialho

Prefeitura de Pão de Açúcar adquiriu e já está distribuindo 1.000 carteiras escolares

Ação beneficiará 32 unidades municipais de ensino

Segundo informações da secretária municipal Ida Vanderlei Tenório (Educação), a Prefeitura de Pão de Açúcar, através da Secretaria Municipal de Educação, adquiriu 1.000 carteiras escolares para as unidades municipais de ensino de Pão de Açúcar.

A distribuição está sendo realizada em todas as escolas municipais das zonas urbana e rural do município, com a finalidade de oferecer conforto e melhor condição de aprendizado aos alunos.

Esta é mais uma ação da Gestão Compromisso e Responsabilidade com Participação de Todos, que vem priorizando investimentos na Educação com o objetivo de melhorar a qualidade do ensino municipal.

 

Postado em por Helio Fialho em BlogsHelio Fialho

Jovens de Pão de Açúcar comemoram o Dia Mundial da Juventude

Encontro comemorativo foi realizado na sede do CRAS Terra do Sol

O CRAS Terra do Sol realizou, quarta-feira (26), palestra comemorativa ao Dia Mundial da Juventude e contou com a parceria do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Pão de Açúcar. A palestra com debate teve início às 13 horas e enceramento às 17 horas, na sede do CRAS III Terra do Sol e contou com a participação de 40 jovens de Pão de Açúcar.

O objetivo do evento foi refletir e reafirmar as juventudes como segmento central na estratégia de desenvolvimento do estado brasileiro, enfatizando o debate sobre os direitos humanos e refletindo sobre sua efetividade, bem como as lutas das juventudes.

O Dia Mundial da Juventude é comemorado no dia 30 de março, mas a programação em Pão de Açúcar foi antecipada para a quarta-feira. Além dos técnicos que fazem parte do CRAS II Terra do Sol, o encontro contou, ainda, com a participação de dois representantes da Coordenação Estadual da Juventude e de representantes da Secretaria Municipal do Trabalho e Assistência Social.

A secretária Soraya Omena Dantas (SEMTAS), a coordenadora municipal da Juventude, Ana Cleide dos Santos Pereira,  e o sindicalista e coordenador municipal do Idososo, Pedro Lúcio Rocha, participaram deste encontro considerado pelos organizadores como “dinâmico e construtivo”.

Postado em por Helio Fialho em BlogsHelio Fialho

Vigilância Ambiental do Estado realiza coleta e análise da água de Pão de Açúcar

Segundo o bioquímico Tadeu Barbosa, a água consumida pela população de Pão de Açúcar é de boa qualidade

A equipe  da Vigilância Ambiental do Estado de Alagoas realizou, nesta quarta-feira(26), coleta e análise laboratorial da água que é consumida em Pão de Açúcar. Amostras da água foram coletadas nas fontes abastecedoras existentes na cidade de Pão de Açúcar, isto é, no rio São Francisco e nos reservatórios que abastecem a cidade e o interior do município.

A equipe coordenada pelo farmacêutico e bioquímico Tadeu Barbosa trabalha dentro de um laboratório móvel que percorre os municípios alagoanos com o objetivo de coletar e examinar as amostras da água fornecida às populações através de sistemas de água encanada e caminhões pipa.

Segundo Tadeu Barbosa, no ano passado ocorreu uma epidemia de diarreica por motivo da contaminação da água fornecida através de carros pipa. A contaminação por coliformes levou a óbito algumas pessoas, chamando, assim, a atenção das autoridades competentes e dos órgãos de saúde no estado.

É importante destacar que muitas enfermidades são ocasionadas pelo consumo de água contaminada por bactérias, vírus, protozoários, helmintos e substâncias químicas, entre outros. Por isso, a qualidade da água destinada ao consumo humano é uma prioridade constante do setor de saúde.

A Vigilância Ambiental é um setor da Secretaria de Estado da Saúde (SESAU) que conta com a parceria da Fundação Nacional de Saúde (FNS). Os resultados da análise da água de Pão de Açúcar são enviados para o SISAGUA - Sistema de Informação de Vigilância da Qualidade da Água para Consumo Humano.

A Portaria N.º 2.914, de 2011, estabelece que o controle da qualidade da água é de responsabilidade de quem oferece o abastecimento coletivo ou de quem presta serviços alternativos de distribuição.

 No entanto, cabe às autoridades de saúde pública das diversas instâncias de governo a missão de verificar se a água consumida pela população atende às determinações dessa portaria, inclusive no que se refere aos riscos que os sistemas e soluções alternativas de abastecimento de água representam para a saúde pública.

A Vigilância em Saúde Ambiental relacionada à Qualidade da Água para Consumo Humano - VIGIAGUA - consiste em desenvolver ações contínuas para garantir à população o acesso à água de qualidade compatível com o padrão de potabilidade estabelecido na legislação vigente, para a promoção da saúde.

Para operacionalizar as ações da VIGIAGUA, foi elaborado um Programa Nacional, que é coordenado, no âmbito federal, pela Coordenação Geral de Vigilância Ambiental em Saúde (CGVAM), da Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS). O programa inclui modelo, campo e forma de atuação baseados nas diretrizes do Sistema Único de Saúde (SUS).

Segundo informações da secretária municipal de Saúde, Normanda Santiago, o SISAGUA foi estruturado em três módulos de entrada de dados, sendo: 1) Cadastro – tem com objetivo registrar as informações referentes aos sistemas e soluções alternativas de abastecimento; 2) Controle – tem como finalidade de alimentar o sistema com as informações encaminhadas pelos prestadores de serviços, responsáveis pelos sistemas de abastecimento e soluções alternativas coletivas; 3)Vigilância - visa alimentar o SISAGUA com as informações dos resultados das análises físico-químicas, bacteriológicas, entre outras, incluindo informações referentes à inspeção sanitária realizadas nas diversas formas de abastecimento pelo setor saúde.

Entrevistado pela reportagem do Minuto Sertão, o farmacêutico e bioquímico da FUNASA, Tadeu Barbosa, que integra a equipe da Vigilância Ambiental do estado de Alagoas, disse que, de acordo com os resultados das análises realizadas, a água consumida pela população pão-de-açucarense através do sistema de abastecimento existente na cidade é de excelente qualidade.

Ele disse, ainda, que a qualidade da água fornecida através de carros pipas depende da forma que a água é tratada.

Postado em por Helio Fialho em BlogsHelio Fialho

Na Audiência Pública prevaleceu o espírito democrático e não houve tumultos durante as discussões

Prefeito Jorge Dantas e técnicos da CASAL responderam todos os questionamentos feitos pelos participantes

A Audiência Pública que tratou do convênio de cooperação entre Prefeitura e CASAL foi realizada com sucesso, onde prevaleceu o espírito democrático.  Os trabalhos foram presididos pelo procurador municipal André dos Anjos, secretariado pela vereadora Tereza Brito e auxiliado pelo ex-presidente da ARSAL Álvaro Otávio Machado.

A mesa das autoridades foi composta por André dos Anjos (advogado e procurador do Município), prefeito Jorge Dantas, Promotora de Justiça Martha Bueno, Gerente Manoel Messias (SAAE), Álvaro Otávio Machado (ex-presidente da ARSAL), vereador Dyego Correia (representante da Câmara de Vereadores), prefeito Avânio Feitosa (Belo Monte e representante do Comitê de Bacias do Rio São Francisco, Álvaro José Menezes da Costa( diretor presidente da CASAL) e Osmar Lisboa (engenheiro  e vice presidente de serviços, gestão e engenharia da CASAL) e dois representantes da Arsal (Davi e Jackson).

A audiência também contou com a participação dos vereadores Ana Dayse, Eliezer Farias, Cabo Véio, Vevé e Belzinha, sendo estes três últimos da bancada da oposição.

 Inicialmente o prefeito Jorge Dantas fez uso da palavra para fazer uma explanação através de slides sobre a real situação em que se encontra o SAAE e o sistema de esgotamento sanitário a ser operacionalizado, bem como, a situação da cidade com os esgotos escorrendo a céu aberto e causando doenças à população.

Segundo o prefeito, a obra foi orçada, na época, em 10.000.000,00 e somente foram liberados durante as gestões dos três prefeitos (Jorge Dantas, Cacalo e Jasson Gonçalves) R$ 3.557.000,00, isto é, o equivalente a 36% do montante, faltando ainda liberação de 64% do valor total da obra.

Segundo, ainda Jorge Dantas, todas as prestações de contas do dinheiro liberado pelo Governo Federal aplicado pelos prefeitos foram aprovadas, ficando o município negativado no CAUC porque não colocou para funcionar o sistema, embora esta exigência é praticamente impossível de ser concretizada, no momento, em razão de só ter sido liberado o valor correspondente a 36% do total da obra, o que a torna não concluída.

Em seguida, os técnicos da CASAL fizeram uma explanação técnica sobre a situação da CASAL e como será o seu plano de atuação na cidade de Pão de Açúcar, caso venha a ser concretizado o convênio de cooperação entre o Município e a CASAL.

A Promotora de Justiça Martha Bueno também fez alguns questionamentos sobre o convênio, principalmente no tocante ao valor da taxa de esgotamento a ser cobrada pela CASAL em Pão de Açúcar, sendo informada de forma transparente sobre as perguntas feitas.

Diversas indagações foram feitos pelos presentes e todos eles foram respondidos com muita transparência. Algumas perguntas polêmicas, embora todas elas com muito respeito aos sabatinados.

Por diversas vezes o prefeito Jorge Dantas deixou claro que o SAAE não será vendido e que os servidores da empresa vão permanecer trabalhando normalmente, pois a CASAL apenas passará a administrar o SAAE, em razão dos investimentos que fará no Sistema de Esgotamento Sanitário de Pão de Açúcar, para a conclusão e operacionalização da obra.

O auditório João Lisboa ficou lotado de pessoas que vieram das zonas urbana e rural para participar da audiência e tirar suas dúvidas a respeito do convênio que será firmado nos próximos dias, precisando agora da aprovação da Câmara de Vereadores.

 Também ficou garantido que não vai faltar água na cidade, já que a CASAL irá utilizar toda a estrutura hoje disponibilizada pelo SAAE, isto é, o mesmo rio, as mesmas caixas d’água e bombas, as mesmas tubulações e os mesmos funcionários.

Também ficou esclarecido pelos representantes da CASAL, que a empresa cobrará das famílias comprovadamente de baixa renda uma taxa social menor que a atualmente cobrada pelo SAAE, que é de R$ 20,00  o valor mínimo, e a partir da assinatura do convênio a taxa social passará a custar um pouco mais de 12,00 e não chegando a R$ 13,00.

A audiência também contou com a participação de assessores municipais, funcionários do SAAE, lideranças comunitárias, advogados, servidores da Justiça e outros. E mesmo com a participação de pessoas que fazem parte do grupo de oposição ao governo municipal, o nível das discussões foi considerado excelente, apesar das contestações dos mesmos, o que é considerado normal por tratar-se de um grupo de oposição com direito a participar de qualquer audiência pública.

O próximo passo a ser dado agora é a aprovação do projeto que autoriza a assinatura do convênio de cooperação pelos vereadores que formam o Poder Legislativo Municipal de Pão de Açúcar, com data a ser ainda anunciada.  

“Mais uma vez quero esclarecer que o município está no CAUC porque não colocou o sistema de esgotamento sanitário para funcionar, isto é, os órgãos responsáveis não aceitam o chamado “elefante branco”. Quem disser que a pendência no CAUC é financeira está usando de má fé e mau-caratismo, pois nesta audiência pública ficou tudo devidamente esclarecido”, disse Jorge Dantas.

Postado em por Helio Fialho em BlogsHelio Fialho

Multidão dá o último adeus ao folclórico “Babau Pegue Essa”

Multidão que compareceu ao cortejo fúnebre só confirma o quanto servidor público era popular em Pão de Açúcar

O corpo do servidor público Genival Feitosa dos Santos, conhecido como “Babau Pegue Essa” foi sepultado neste sábado (22) sob forte comoção dos familiares e amigos. Uma multidão acompanhou o cortejo fúnebre até o Cemitério São Francisco de Assis e confirmou o quanto o servidor público era popular.

O time de futebol Veteranos Amigos de Amaral prestou uma homenagem ao ex-jogador e conduziu uma faixa com os dizeres: “BABAU, você estará sempre presente nos nossos treinos. Saudades eternas”. Músicas religiosas também fizeram parte do funeral.

Uma missa de corpo presente foi celebrada, às 07 horas da manhã, na Igreja Matriz do Sagrado Coração de Jesus, onde foram lidas mensagens homenageativas. E por volta das 08 horas e 15 minutos o corpo seguiu em direção ao Cemitério São Francisco de Assis, onde foi sepultado.

“Babau Pegue Essa” tornou imortalizado em sua terra natal pela forma impecável de vestir-se e por ter criado o bordão que conquistou a simpatia de crianças e de adultos – “Pegue Essa!”.

Ele trabalhava como fiscal de tributos da Prefeitura Municipal de Pão de Açúcar e vigilante da Escola Estadual José Soares Pinto. Alguns parentes, amigos e colegas de trabalho expressaram muita emoção ao despedirem-se daquele que só sabia promover alegria por onde passava. O prefeito Jorge Dantas e a primeira dama do município Soraya Omenada Dantas participaram do funeral.

Postado em por Helio Fialho em BlogsHelio Fialho

Pão de Açúcar perde uma de suas mais extraordinárias figuras folclóricas com a morte de “Babau Pegue Essa”

Servidor público sofreu um infarto fulminante quando jogava uma partida de futsal

Faleceu por volta das 06 horas e 30 minutos desta sexta-feira (21), o servidor público Genival Feitosa dos Santos, conhecido como “Babau Pegue Essa”. Ele passou mal quando jogava uma partida de futsal, na quadra esportiva da AABB de Pão de Açúcar.

Socorrido por amigos, ele foi conduzido para a emergência da Unidade Mista Doutor Djalma Gonçalves dos Anjos, onde já deu entrada sem vida. Segundo informações, o corpo será sepultado neste sábado, pela manhã, no Cemitério São Francisco de Assis, em Pão de Açúcar, logo após a celebração da missa de corpo presente na Igreja Matriz do sagrado Coração de Jesus.

“Babau Pegue Essa”, tinha 53, era servidor público estadual e municipal. Na Prefeitura desempenhava a função de fiscal de tributos desde o dia 03/06/1985, na escola Estadual José Soares Pinto trabalhava como vigilante noturno.

Tornou-se bastante conhecido na cidade, principalmente pelas crianças, em razão de ter criado, em 2012, o bordão “pegue essa” e ter usado esta frase durante os seus discursos quando foi candidato a vereador em sua terra natal, não obtendo sucesso nas urnas. Também costumava, mesmo com o forte calor de Pão de Açúcar, vestir-se elegante e impecavelmente com roupas sociais, isto é, calça de tergal, camisa de mangas compridas e sapatos devidamente engraxados.

Mas apesar da derrota nas urnas, ele conseguiu manter a sua popularidade e sempre saia gritando pelas ruas a frase “pegue essa”, chamando a atenção de crianças, jovens e idosos, tornando-se, assim, uma das mais populares figuras folclóricas de Pão de Açúcar.

A sua morte inesperada está repercutindo na cidade de Pão de Açúcar e nas redes sociais. O prefeito Jorge Dantas publicou mensagem de pesar nas emissoras de rádio e no site oficial da Prefeitura Municipal de Pão de Açúcar. “É uma perda irreparável, pois Babau é uma referência de alegria e um exemplo de servidor público”, disse Jorge Dantas.

Por causa de sua morte, o expediente na Coordenadoria de Arrecadação e Tributos, lugar onde o falecido era lotado como fiscal de tributos, foi suspenso. É visível a tristeza na face dos colegas de trabalho e das pessoas que conviviam com Genival Feitosa dos Santos, o “Babau Pegue Essa”. Ele deixa a viúva Maria Eunice (Nicinha) e os filhos Felipe, Pablo e Genival Filho.